Piscina aquecida: opções e cuidados.

Piscina aquecida: opções e cuidados. - Verano Piscinas - Nosso principal produto é a felicidade 06/06/2019

Piscina aquecida: opções e cuidados.

Inverno chegando, friozinho cada vez mais intenso e só de olhar pra uma piscina você se arrepia? Mas se a gente te disser que você pode ter uma piscina aquecida, que além de te fazer relaxar, vai te aquecer?

Se você está pensando que isso é um privilégio que se pode ter apenas em hotéis, resorts, academias, spas e clubes, saiba que você também pode ter a sua piscina aquecida em casa e aproveitar tanto de dia quanto a noite e em climas amenos e frios.

 

 

Sem contar os benefícios para o corpo e mente que uma piscina quentinha pode proporcionar. Ela é perfeita para finalidades terapêuticas, pois controla problemas nas articulações, melhora a circulação sanguínea, alivia dores e entre outros benefícios.

Além disso, o aquecimento pode ser um dos melhores investimentos para a sua piscina, já que você poderá aproveitar até o dobro do tempo na água. Neste texto, nós vamos te explicar os modelos, economias, sistemas e muito mais. Continue lendo para conferir.

Existe tratamento especial para piscinas aquecidas?  

A temperatura da água de uma piscina pode chegar até os 36 °C, portanto, desequilíbrios na água podem acontecer de forma mais rápida. Quanto mais calor, mais cuidados, que basicamente são os mesmos de uma piscina fria.

A capa térmica é uma grande amiga da piscina aquecida, pois além de ajudar a diminuir a sujeira, ela evita a evaporação do cloro e segura o seu calor, mantendo-a aquecida por mais tempo. Investir na lona te poupará esforços e custos, vale a pena.

Quais opções de piscinas aquecidas? 

Iremos te mostrar as três principais opções para você escolher a qual melhor se adapta às suas necessidades. Lembrando que antes de optar por qualquer tecnologia, é importante que um técnico especializado visite a sua casa e analise a construção da sua piscina, as dimensões, o clima da sua região, seus hábitos de uso e o espaço disponível para a instalação do sistema, bem como os custos envolvidos em cada método. Veja a seguir os mais usados:

Aquecimento solar

Piscina com sistema de Aquecimento Solar

 

O sistema funciona a partir de placas solares com tecnologia específica capaz de coletar a energia do sol e transformá-la em calor. A água da piscina é bombeada para dentro dos coletores que transmitem esse calor captado e aquecem a água.

Geralmente os coletores são instalados nas lajes e nos telhados. O fator principal é fazer esta instalação de forma apropriada, ou seja, a inclinação e a direção das placas precisam estar direcionadas ao norte para um melhor aproveitamento.

Além disso, evite lugares onde sombras ou outras interferências possam tapar o recebimento de luz para que elas consigam ter uma capacidade máxima de exposição solar.

A preservação ambiental é umas das grandes vantagens desta forma de aquecimento, já que a energia é limpa, ecológica e sustentável. Não se preocupe com o modelo da sua piscina, pois qualquer uma, seja de fibra, vinil ou alvenaria, pode estar recebendo aquecimento solar.

A atenção necessária para a manutenção preventiva é essencial para manter a funcionalidade e a vida útil deste equipamento.

Bomba de calor (trocador de calor)

Trocador de Calor

 

Este sistema funciona de forma muito simples, porém, seu custo é um pouco maior que o aquecimento solar. Com este modelo, você pode ter uma PISCINA AQUECIDA O ANO INTEIRO!

O  aparelho retira o calor da atmosfera e o intensifica por meio de um compressor, é como se fosse um ar condicionado. Esse calor passa a ser transferido por dois tubos, onde a água corre e é aquecida.

O trocador deve ser instalado ao ar livre e é preciso considerar o dimensionamento da piscina para escolher o equipamento mais adequado. O primeiro aquecimento pode demorar até 36 horas para ser realizado.

O mais interessante, é que ele mantém a água aquecida, mesmo se a piscina for externa, podendo passar dos 40 ºC (Segundo normas de segurança da ABNT, recomenda-se aquecer em no máximo 38ºC) Para isto, o sistema depende da temperatura do ambiente e, portanto, ele poderá demorar mais para conseguir aquecer a água durante o inverno.

Para controlar a temperatura, é preciso tomar alguns cuidados, como o dimensionamento correto de acordo com a área total da piscina (superfície e profundidade) e também o uso de capa térmica em ambientes abertos.

Aquecedor a gás

Aquecimento a gás

 

Esse tipo de sistema mantém a temperatura sempre constante, além de chegar a uma temperatura maior que outros sistemas e de forma muito mais rápida. O primeiro aquecimento dura em torno de 24h. Ele utiliza gases como o GLP ou o gás natural.

Esses gases são responsáveis por aquecerem uma serpentina por onde a água da piscina passa, se aquece e, então, retorna aquecida à piscina.

A instalação precisa ser feita em uma superfície resistente e elevada, jamais no chão e em ambientes internos.

Para ligar, basta direcionar a rede de alimentação da bomba ou num painel de controle, ou até mesmo no timer da casa de máquinas. Ele não necessita exclusivamente da energia elétrica para funcionar.

O melhor a se fazer, é contratar um profissional habilitado que trabalhe de acordo com a NBR 13.103 (termo de requisito básico exigido para a instalação de aparelhos a gás em residências). Vale destacar também que piscinas menores são as que melhor podem usufruir desse sistema.  

 

Vantagens e desvantagens de cada modelo

 Para resumir, vamos listar as vantagens e as desvantagens de cada opção de sistema para o aquecimento da sua piscina. Confira:

 

Aquecimento solar

 Vantagens

  • O sistema chega a economizar até 70 % de energia comparada a outros sistemas de aquecimento para piscinas;
  • O custo do sistema se paga depois de certo tempo de uso; entre 24 a 36 meses;
  • Contribui para a preservação do meio ambiente.
  • A manutenção do sistema é feita apenas uma ou duas vezes ao ano.
  • O custo do equipamento e instalação do aquecimento solar para piscinas sai mais em conta que outros sistemas, como o sistema de aquecimento com o trocador de calor.

 Desvantagens

  • Depende 100% das condições climáticas, caso não possua um sistema auxiliar.
  • Necessário espaço das lajes de cobertura ou de qualquer outro local onde são instaladas as placas solares.

 

Bomba de calor (trocador de calor)

Vantagens

  • Piscina aquecida O ANO INTEIRO.
  • Alta performance de aquecimento.
  • Fácil limpeza e manutenção.
  • Menor despesa se comparado aos aquecedores a gás;
  • É bastante limpo, pois não gera poluentes que possam afetar a saúde de sua família ou o meio ambiente.
  • Mantém a piscina aquecida, mesmo se for externa.

Desvantagens

  • Por ser um aparelho de médio porte, é necessário um espaço adequado para o Trocador de Calor. Lembrando que jamais deve ser instalado em locais fechados.

 

Aquecedor a gás

Vantagens

  • Geralmente é instalado na área de serviço ou em um lugar arejado e não ocupa muito espaço;
  • O equipamento é totalmente seguro e vem acompanhado de um dispositivo de segurança que possui um sensor de corta o gás (equipamentos mais novos);
  • Mantém a água aquecida constantemente;
  • Perfeito para piscinas menores.

Desvantagens

  • O custo da sua instalação é um pouco menor que os outros sistemas, porém tem um custo mensal de uso mais alto entre todas as opções.

Agora que você já conhece um pouco sobre cada sistema e outras curiosidades, é hora de colocar o sonho em prática. Ainda dá tempo de instalar a sua piscina aquecida e aproveitar o começo de outono e iniciar o inverno preparado.

Para mais informações e valores, entre em contato com a nossa equipe!